terça-feira, 20 de outubro de 2009

A Bíblia, Israel e a Igreja

Tem-se criado muita polemica sobre a autoridade da Bíblia como revelaçao de Deus, o Todo-poderoso. Alguns argumentam que o Livro foi escrevido por homens, portanto, escreviam o que queriam.
Pois tenho uma idéia muito simples, porém realista a respeito da autenticidade das Sagradas Escrituras como revelaçao do Criador. Aceito pela fé e pela razão as verdades escritas na Bíblia. Creio na Bíblia como a Palavra de Deus por dois motivos:
Veja bem, a Bíblia fala de um povo - Israel - escolhido por Deus para servir de testemunho as nações. Deus deu sua palavra de proteger esse povo, apesar de sua costumaz rebeldia. Israel vive rodeados de inimigos, recheados de inimigos! Inimigos dentro e fora de seu território. Mas, são milagrosamente preservados. Vencem não so os inimigos, mas vão rompendo as barreiras economicas, vencendo guerras,etc.
Mas a Bíblia fala de outro povo - a Igreja - separada por Deus para servir também de testemunho a toda a terra. Igual Israel, a Igreja é rodeadas de inimigos! Tem inimigos dentro e fora da Igreja. Dentro são os hipócritas (muito mais do podemos imaginar); fora, os ímpios de uma maneira geral. Mas Deus se não guardasse a Igreja há muito ela teria desaparecido. Da mesma maneira como faz (Rm 11:29) com Israel. Ambos são odiados pelos homens e por Satanás.
Portanto, a Bíblia, pela fé e pela razão é a Palavra de Deus com toda certeza!

Nenhum comentário:

Postar um comentário