terça-feira, 25 de maio de 2010

bragança: minhas pesquisas

Resposta que recebi do Sr Antonio, pesquizador de historia portuguesa na India - Goa

Senhor Janes
Bragança Pereira e Pereira Bragança são o mesmo sobrenome, o que aconteceu é que inicialmente era Bragança Pereira, e depois de algumas gerações eles para não perderem o sobrenome Bragança que é tido, e é o sobrenome da Família Real Portuguesa e Brasileira. Como expliquei antes, o primeiro da Família Bragança em Gôa foi Francis Xavier De Bragança. Não se você conhece lá na Índia o Sistema de Castas... procure pesquisar. Eles eram da Família Desai, uma Família da segunda Casta. A primeira era a dos religiosos os Brâmanes, que ganharam esse nome em homenagem a Deusa Hindu Brama. A segunda Casta era a dos Reis e príncipes, e muuuuito antigamente eram os guerreiros das tribos, generais e tal. Como todos os Xátrias da Índia hoje, da Família Desai temos alguns escritores, um Marajá(príncipe de hoje em dia) e um outro que foi primeiro ministro da Índia e contemporâneo da revolução de Gandhi, no google ele está em inúmeras fotos com Ghandi. Desai é uma Família nobre da Índia. São amigos dos Príncipes e Reis Asiáticos. Esse era o seu nome original: DESAI. O senhor vai ler que o Sistema de Castas foi extinto mas como ele tem natureza religiosa, pois ele é totalmente citado nas Leis de Manu, que são do Hinduísmo. Por lá 95% da população é Hindu e portanto seguem o Sistema de Castas e seguirão sempre pois faz parte da Religião deles. O Desai que estava em Gôa era um governante de lá, que quando aconteceu a conquista Portugues ada Colônia de Gôa ele foi catequisado por Saint Francis Xavier: From August of that year until March 1542, he remained in Mozambique then reached Goa, the capital of the then Portuguese Indian colonies on May 6 1542. His official role there was Apostolic Nuncio and he spent the following three years operating out of Goa. http://en.wikipedia.org/wiki/Francis_Xavierhttp://www.catholic.org/saints/saint.php?saint_id=423
Ele ganhou o nome Francis Xavier por ter sido catequisado por esse missionário. Ele como já era um governante muito respeitado na região até pelo Sistema de Castas de lá. O Rei Ferdinando II achou melhor colocar o poder Português naquela região sob os olhos do Francis Xavier De Bragança. Gôa naquela época era a capital das famosas Índias. E ele Francis Xavier De Bragança cuidava de todas essas riquezas pertencentes inicialmente a ìndia e depois ao Império Portugês. Como disse antes ele recebeu o sobrenome Bragança , e ele faz parte da Casa Real de BRahbança e era Dono da sede da Casa Real de BRagança em Gôa. Porque Gôa? Porque era o melhor lugar para controlar e pelo que me foi relatado Francis Xavier tinha muitos amigos poderosos por lá. Ele recebeu então educação Portuguesame foi cavaleiro de inúmeras ordens de Portugal. Ele estudou no Real Colégio Gimnasyal dos Nobres de Portugal e morou por lá estudando e tal. Ele teve um filho que teve outros 2 filhos sempre estudando lá n Real Colégio em Portugal e numa das gerações da Família acho que na 3°. Os 2 filhos(um menino e uma menina) se casaram. O menino com a Baronesa de Menezes e a menina com o Conde Pereira, um judeu burguês que teria ganhado o título de nobreza pelo lado da sua mãe. A Família inicialmente tinha muitos Palácios em Banglor e então preferiu fazer um Palácio em Chandor, Gôa. Divido em Duas Alas a dos Menezes Bragança e a dos Bragança Pereira. Com esse ditador PortuguÊs, a Família Menezes Bragança fugiu para um Palácio de um primo em Banglor, a Família Bragança Pereira fugiu para o Brasil. Se localizou inicialmente em Salvador. A Família Menezes Bragança representada por Aida de Menezes Bragança foi para Chandor em Gôa e ficou por lá. Fizeram até um filme em Portugal chamado "A Dama de Chandor". Como naquela época em 1962 era quase impossível se comunicar com a ìndia, as duas Famílias, que na verdade são só uma, se dividiram. O lado dos Bragança Pereira está abandonado, a Dona Aida só cuida do lado dos Menezes Bragança, pois o dos Bragança Pereira é cuidado pelo Governo Indiano. Não existe nenhum descendente por lá. Se você ver na reportagem que fizeram sobre a Família Bragança em Gôa, você vai ver que está escrito como Chardó a Casta dos Bragança. Chardó foi a adaptação que fizeram para o Português e para o catolicismo. Pois até hoje mesmo que a população seja católica somente em Gôa. Existe até hoje por lá aquele respeito e tal. As pessoas abaixam a cabeça, perguntam se o Chardó não quer nada e tal. Chardó – Casta segunda, depois dos brâmanes! http://travessadoferreira.blogspot.com/2007/12/goa-de-novo-sem-pecado-antunes-ferreira.html
Em Gôa só mudou de nome, Xátrias, Chardó. Pela Colonização Portuguesa e tal. Os policiais se vêem algum desrespeito logo repreendem os desrespeitosos. Nunca podem lhe olhar diretamente no rosto os das castas inferiores e tal. Como disse antes os dois Bragança Pereira que chegaram aqui no Brasil eram médicos e tinham bastante dinheiro, pois muita coisa trouxeram da Índia. Coloque no google Bragança Pereira que você achará alguns parentes. Bragança de Azevedo também é só colocar no google que você vai achar alguns parentes. No inicio do texto está a explicação sobre a assinatura. Recomendo-lhe que peça telentrega pela Fnac de Portugal. www.fnac.pt o filme da Dama de Chandor. Explica muita coisa aquele filme, muitos mistérios da Família Bragança em Gôa. Esqueci de lhe falar que o Brasão da Família Bragança em Gôa e portanto da Família Bragança Pereira está nessa página aqui: http://www.flonnet.com/fl2406/stories/20070406000506500.htmhttp://lei-e-ordem.blogspot.com/2008/02/casa-dos-bragana-em-chandor.html No primeiro link está a imagem do Brasão. Ele era todo feito de Porcelana Chinesa com as envolturas de ouro e algumas partes de Prata. É realmente um Brasão lindo! Merece palmas! Continue respondendo que lhe contarei mais! Recomendo que visite Gôa na Índia. Além de ter praiasparadisíacas, todos tem alguma história para contar sobre a Família Bragança. Ou como o senhor é Chardó, talvez o senhor consiga uma audiência com Ghandi e com alguns príncipes e Marajás de lá. Um Grande Abraço senhor Janes!
Att Antônio

Minhas considerações: muito prestativo o Sr. Antonio e bons esclarecimentos e grandes lições. Mas tem um problema - meu pai e minha mãe tem a pele branca, e quando nascemos tinhamos os cabelos loiros. Isso parece mais coisa de europeu, não é mesmo?
Mas de qualquer forma estou postando e considerando. Quem sabe pode vir novas luzes.

Nenhum comentário:

Postar um comentário